horario-de-verao-561x403

A maior comoção do ano costuma ser quando começa o horário de verão. Aumentar a carga horária de trabalho do nosso amigo Sol pode ser bom para uns e coisa dificultosa para outros. Tem gente que ama e tem gente que odeia. Tudo bem, cada pessoa é um universo particular com seus hábitos e costumes, porém… não tem escapatória, tem que se adaptar.

Eu adoro o horário de verão. Acordo cedo, ainda escuro e curto um monte ver a luz do dia aparecendo. O dia mais longo, depois que o corpo acostuma é bem legal, dá a sensação de que, apesar de ter trabalhado o dia todo, ainda tenho tempo para um pouco de diversão, afinal, o dia ainda não acabou!!!

Maaaassss… Amanhã acaba a brincadeira e voltamos à vida normal, reajustamos o relógio e devolvemos o tempo roubado da Lua. A maior vantagem é a sensação de que ganhamos uma hora de sono. Para quem desconjura o horário de verão, é dia de soltar rojão!

Para mim é sinal de que o outono está a caminho e eu amo o outono. As noites mais fresquinhas trazem uma vontadinha de tomar um vinhozinho (tudo no diminutivo para combinar com a minha pessoinha encolhidinha debaixo das cobertas).

O segredo de tudo é aproveitar o melhor de cada momento. Com ou sem horário de verão, sempre rola uma vantagenzinha bááásica. Para os “praieiros”, o dia acabar mais tarde libera mais tempo de bate papo na areia e pés na água. Para os baladeiros, a noite com o tempo que lhe é de direito, não dá a sensação de estar indo para um happy hour ou uma matinê.

E apesar da diversidade de opinião sobre o assunto, andei lendo por aí sobre uma pesquisa que diz que 70% dos brasileiros apoiam o horário de verão. Bem, não me lembro de onde vi esta informação, e também não sei se é real ou maquiagem para manter a decisão. O que sei é que há uma grande divisão de opiniões.

Pra mim, tá tudo certo. Com ou sem horário de verão, após os meus 10 dias de adaptação (foi o que precisei este ano) eu sigo em frente e beleza! E acho que esse é o segredo, aproveitar o que tem de melhor em cada momento, ao invés de sofrer, bater o pé e se revoltar por “perder” uma hora de sono. Qualidade em primeiro lugar: vamos viver do melhor jeito o dia mais longo que o sol nos dá e depois que acaba, a gente acena com o lencinho e diz: “Inté mais, bem! Foi bom enquanto durou, nos vemos no final do ano!”. Xaummmm!!!

E você? O que acha do horário de verão? És a favor ou contra? Deixe seu comentário logo abaixo! Diga o que acha e como aproveita os dias mais longos do ano!

Beijo, Beijo

Autor
Escrito por

Assuntos Relacionados

Na primeira parte desta postagem falei sobre as dez primeiras dicas sobre...

Eu gosto de acordar de manhã, abrir a porta da cozinha e...

Dia 21 de março começa o outono, minha estação preferida. Não é quente demais...

Eu adoro ouvir histórias, principalmente as verídicas. Às vezes, depois das refeições,...

Deixe um comentário

Newsletter

Inscreva-se e receba as postagens no seu e-mail.
Cadastre seu e-mail:

Importante: Eu não envio spam!