sala-jantar-01-b

imagem: apartmenttherapy

Eu não sei cozinhar, mas adoro comer! Arrumar a mesa para a refeição é minha incumbência diária e definitiva, mesmo que no dia a dia as soluções sejam simples e práticas, para mim é pura diversão. A qualquer momento vou postar sobre mesas, mas hoje é dia de jantar!

Na concepção mais formal a sala de jantar tem seu próprio metro quadrado, característica predominante das casas mais antigas e ainda presente nas de hoje quando o estilo de vida da família comporta.

A sala de jantar do século XXI mora de mãos dadas com a sala de estar. Acredito que a mudança de comportamento não foi apenas o amolecer de regras rígidas, descongelando a convivência, mas o crescimento das cidades, a valorização dos espaços e consequente encolhimento do teto nosso de cada dia. Esse “ajuntamento” humano transformou as relações entre as pessoas e delas com seus espaços.

Diversas atividades coexistem em um mesmo ambiente. Hoje, sala de jantar é sala de estudo das crianças, escritório (é só levar o lap top e pronto), refeição familiar, jantar entre amigos e até espaço para desenvolver algum hobby, quem faz scrapbook sabe do que estou falando.

Na postagem sobre sala de estar multiuso, falei muito sobre desenvolver atividades diferentes em um mesmo ambiente e hoje é a vez do jantar.

sala-jantar-02

imagem: fashiondrika

Alguns itens são importantes para que você seja feliz nas soluções deste ambiente:

sala-jantar-06

imagem:  vidaeestilo-terra /Por Daniella e Pricilla de Barros/Foto Martin Szmick

01- A sala de jantar precisa ter fácil acesso à cozinha. Ninguém quer fazer caminhada de obstáculos segurando bandejas e louças certo?

sala-jantar-07

imagem: casaabril /Casa Cor Bahia 2012/Por Dolores Landeiro

02- Iluminação aconchegante e indireta é o ideal. Você pode utilizar gesso com luminárias embutidas ou sanca aberta com mangueira e complementar com um pendente. A luminária acima da mesa dá um certo charme e define o espaço, mas outras opções são possíveis. O importante é que o aconchego não impeça a boa visualização do que está sendo servido.

sala-jantar-03

imagem: arquitetosepaisagistas /Casa Cor Goiás 2013/Por Genésio Maranhão

03– Um Bufê ou armário sob medida, além de auxiliar na hora de servir, armazena as louças. A falta de espaço é fato e cada cantinho bem aproveitado é lucro de metro quadrado.

sala-jantar-15

imagem: casa abril /Por Carolina Rocco

04- Mesa redonda integra melhor a galera. Com 1,25m de diâmetro, seis pessoas sentam-se numa boa e confortavelmente.

05- Mesas ovais são lindas, mas cuidado com as cabeceiras. É um formato que mal dimensionado pode deixar quem vai “pagar a conta” meio desconfortável.

sala-jantar-09

imagem: pernanbucoconstrutora

06- Para a mesa retangular ideal, considere 60cm para cada pessoa e some 40cm a mais em cada cabeceira.

07- A mesa quadrada fecha a lista. Sonho de consumo de muita gente e também motivo para frustração. Ao contrário do que se pensa, é um formato difícil de usar. Geralmente a pessoa olha a sala quadrada e acha que vai encaixar como uma luva, mas esquece de que o bufê e a circulação obrigatória mudam essa proporção.

sala-jantar-14

imagem: bricestafford /Por Bruce Stafford

08- Para todos os formatos de mesa citados existem, no mercado, opções menores (que não são ideais ergonomicamente, mas que podem resolver) para o mesmo número de pessoas. Antes de decidir o que é melhor para você, trena nas mãos e certeza do que é importante para a sua rotina.

sala-jantar-16

imagem: vidrado /Por Sanctum Design

09- A altura de mesa padrão varia de 70 a 76cm. Tem sido comum mesas rústicas com 80cm de altura, mas não são muito confortáveis a não ser que você seja muito mais alto(a) que a média.

sala-jantar-17

imagem: casasul /Casa Cor Paraná/Por Viviane Tabalipa/Foto Daniel Sorrentino

10– A famosa dúvida: com tapete ou sem tapete?
Comece pensando na praticidade: tem criança pequena e/ou animais de estimação? Se for o caso, você está animada para retirar o tapete sempre que necessário para limpeza ou tem alguém que presta este serviço para você?

11– Se resolver que o tapete na sala de jantar é indispensável para sua vida, tenha certeza de que há espaço para isso. Para que as cadeiras não enrosquem ao voltar para o lugar, é preciso no mínimo 70cm de tapete partindo da borda da mesa.

sala-jantar-13

imagem: kokaistudios /Por Kokaistudios

12- Sou resultado de uma enorme mistureba: Italianos, espanhóis, franceses, negros e holandeses, com uma pitada de “baianês” e pernambucanos. Imagine, se só os italianos já fazem um enorme barulho, o que dirá essa galera sangue quente toda junta? Ficar batendo papo após as refeições faz parte das nossas noites e finais de semana. E garanto, cadeira é muito importante. Sei que é um item dispendioso por que é sempre multiplicado, mas é o conforto das suas refeições, reuniões e tudo mais.

sala-jantar-04

imagem: itfashionjournal /Casa Cor Santa Catarina 2013/Por Adriana Piva

13– Para simplificar, a altura ideal da cadeira é o resultado de quando você apoia os pés no chão e suas pernas ficam dobradas a 90º.

sala-jantar-08

imagem: normalidadeincomum

14– Uma dica legal, se você quer sair do básico: use as cadeiras da cabeceira diferentes, ou ainda, todas as cadeiras diferentes se seu estilo é despojado.sala-jantar-12

imagem: decoist /Por Mary Prince

15- Em apartamentos a falta de assentos é comum. Uma cadeira com jeitinho de poltrona pode mudar de uso quando a visita chegar e o sofá estiver disputado demais. Sai da mesa e vai para a sala.

sala-jantar-05

imagem: fotos noticias bol uol/ Casa Cor São Paulo/Por Fabrizio Rollo /Foto Kátia Kuwabara

sala-jantar-10

imagem: assimeugosto /Por Marcos Cohen

sala-jantar-11

imagem: casavogue /Por Fernanda Marques

Espero que as 15 dicas sejam úteis para você e claro, as imagens sejam inspiradoras.
Tem dúvidas? Quer compartilhar experiências? Poste nos comentários, estou ansiosa para saber sua opinião!
Beijos e até logo mais!

 

Autor
Escrito por

Assuntos Relacionados

O entusiasmo toma conta da pessoa que voz fala e a produção no “Ateliê oh de casaa!!!” segue a todo vapor! A primeira coleção...

E cá estou euzinha novamente! Os dedinhos saudosos de “escrevinhar” palavras que tanto me deixam felizinha “por demais da conta sô”! Como...

Viver é fazer escolhas com as quais temos que conviver. Deixar a...

Levante a mão quem não gosta de umas gavetinhas espertas para guardar a bagunça nossa de cada dia!! Sou uma criatura organizada...

Deixe um comentário

Newsletter

Inscreva-se e receba as postagens no seu e-mail.
Cadastre seu e-mail:

Importante: Eu não envio spam!